15:36 - sábado , 20 Janeiro 2018
Início / Variedades / Após 27 anos de angústia, cozinheira encontra irmãos desaparecidos

Após 27 anos de angústia, cozinheira encontra irmãos desaparecidos

Após 27 anos de angústia, cozinheira encontra irmãos desaparecidos

Capa » Campo Grande » Cotidiano » Reencontro

Maisse Cunha

 

O longo período de angústia vivido pela cozinheira Adalgiza da Silva Souza, 32 anos, chegou ao fim. Passados 27 anos desde o desaparecimento de seus três irmãos, na cidade de Itaporã, a cozinheira conseguiu contato com os familiares. “Foi o melhor presente de Natal que eu poderia ganhar”, diz, grata.

Na última sexta-feria (8), o Jornal Midiamax contou a história de Adalgiza. Ela e os irmãos perderam contato depois que a mãe, Terezinha Fontoura da Silva, perdeu a guarda dos filhos para o ex-marido. Ela foi proibida de manter contato com eles. Hoje, duas décadas depois, a história tem um final feliz.

O sonho de dona Terezinha de reencontrar os filhos se realizou, após a empresária carioca Daniele de Aires, 40 anos, ler a reportagem e, compadecida pela situação, iniciar a busca pela família de Adalgiza.

Daniele é fundadora, nas redes sociais, de um grupo de busca de pessoas desaparecidas. Ela, que sempre quis fazer trabalho voluntário, conta que iniciou as buscas em um programa utilizado por ela para localizar pessoas, porém não obteve muitos resultados.

A empresária, então, pediu ajuda a amigos para retomar as buscas pela família da cozinheira, até que encontrou Robinson da Silva Souza, Gislaine da Silva Souza e Rodnei da Silva Souza, através do Facebook.

Imediatamente, Daniele entrou em contato com Adalgiza para contar sobre a descoberta de sua família. “No primeiro momento ela ficou incrédula, afinal, são 27 anos longe da família, mas, depois, foi só felicidade”, conta.

Adalgiza e a mãe entraram em contato com os irmãos e foi só alegria. “Minha irmã contou que vai se casar em março do ano que vem e sonhava em entrar na igreja acompanhada da nossa mãe”, diz. Elas já têm planos de viajar a São Paulo para, enfim, dar o tão esperado abraço de saudade na família.

“Meu agradecimento a todas as pessoas que colaboraram para que isso acontecesse. À Daniele, à jornalista Mariana Lopes, à Eliria, que marcou a Daniele na matéria”. Quero dizer que só Deus pode recompensá-las por esse presente. Hoje eu posso dizer que minha família está completa. Esse natal será o melhor de todos graças ao trabalho da Daniele Que ela continue realizando esse trabalho maravilhoso”, completou.

 

Além disso, verifique

Atropelamento de onça que teria ocorrido em rodovia viraliza nas redes sociais

Atropelamento de onça que teria ocorrido em rodovia viraliza nas redes sociais     Animal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *